sexta-feira, 25 de julho de 2008

A POESIA DA ZENAIDE

Tudo está em constante movimento...
Quando menos se espera, aparecem pessoas novas pelo caminho que passam a nos admirar e que também ganham nossa admiração. Vai dia, vem dia e algumas palavras são trocadas, só para avivar a lembrança e dizer "estou aqui, viu?" - Mas lá no fundo do coração e da alma, a gente sabe que a lembrança é recíproca. O que impede maior contato são esses afazeres de cada dia que nos fazem empurrar muitas coisas para aquele cantinho famoso. Mas em todo caso, vamos remexendo aos poucos e ativando o que realmente se faz necessário.
Uma dessas pessoas maravilhosas é a Zenaide, grande e entusiata amiga que ganhei um dia por conta desses passeios pela Internet que nos ligam a tanta gente e algumas, tornam-se tão próximas que a gente pensa até que as conhecia há muito tempo. E o interessante é que pessoalmente jamais nos vimos... Mas as palavras.... ah! as palavras sinceras, extraidas das profundezas do coração... essas sim; garantem uma amizade verdadeira e transparente. Eu só posso agradecer por ter amigos assim como a Zenaide que, repentinamente deixou escapar o seu lado poeta e nos tem brindado com verdadeiras pérolas. Vale a pena conhecer o trabalho da Zenaide Giovinazzo que publica seus textos no portal Recando das Letras. Hoje, escolhi duas dessas maravilhas para expor a todos os que aqui vierem. Agradeço a visita, o apoio, a divulgação e deixo para a Zenaide um grande abraço pedindo a Deus que a ilumine sempre, permitindo que possa continuar a extrair do âmago as suas belas palavras.
Visite: www.recantodasletras.com.br - No portal, clique em autores e vá na letra "Z" . A Zenaide vai ficar prá lá de contente!

Um comentário:

Zenaide disse...

OBRIGADA, PEDRITO!
Suas palavras sempre emocionam... Vc é muito querido! Bjs, Zenaide.